13/03/13

Cleaning out his closet


Ando desde Janeiro a adiar, algumas vezes com desculpas MUITO esfarrapadas, arrumar o armário dele.
Há uma parte de mim que tem plena consciência que quando o fizer, quando tirar todas as camisas, calças, batas de hospital e etc... Terei que enfrentar que acabou, que ele não está mais ali e não quero.
Não gosto da ideia de guardar naquele armário algo que não as roupas dele e confesso, gosto de abrir as portas e sentir o cheiro dele, do after-shave, ver e tocar nas batas do Hospital que têm o nome dele bordadas.
Portanto vou adiando, todos os dias, o inevitável momento em que vou pegar em tudo, cheirar tudo até à exaustão, chorar até mais não e finalmente oferecer todas as roupas a alguma instituição.



4 comentários:

Passion Addicted disse...

Infelizmente, são males que são necessários.

Espero que fiques bem, depois de o fazeres...

L' Amoureuse disse...

Eu um dia destes tb vou ter de fazer isso.... mas por enquanto vou esperar, pode ser que ele um dia o faça, ou então eu canso-me e faço-o eu mesma. bjs

Coquinhas disse...

Possa, este post doeu... Coragem e força minha pequena :)

Pollykc disse...

como eu te entendo. as roupas da minha avó foram quase todas dadas, apenas 2 anos depois. No entanto, guardei algumas peças, que estão na minha casa, e nas quais não tenho coragem de mexer. Por enquanto ficam ali, até ao dia em que tenha que as deixar partir também...