21/05/13


«Se os lugares bons das histórias fossem tudo o que ficava do caminho, se o principio inocente e desprendido fosse eterno, todos os dias, de manhã, o primeiro lugar onde se acorda, de corpo perto, olhavas de frente?
Se o mundo a gritar fosse mudo, e nós surdos também, confiavas? (...) 
Se o amor nos falasse baixinho, como um amigo fiel, nos indicasse a direcção, nos acolhesse, nos abrisse os olhos, querias ouvir?
Se o amor nos amasse, e fosse real. Se o amor fossemos nós também e éramos grandes e infinitos, mas humanos, mas fracos, mas feitos de perdão… Aceitavas?»
 Tiago Bettencourt

2 comentários:

Coquinhas disse...

Texto bonit :) Respondendo ao teu comentário, a minha antiga chefe naquela empresa é a melhor pessoa do mundo. Eu até tenho gostado muito das minhas chefes. Esta é que pronto, oh tri :P

♥C disse...

Eu aceitava! Esta mensagem é linda!